Gato

11 Comportamentos estranhos do seu gato e os motivos por trás de cada um deles

11 Comportamentos estranhos do seu gato e os motivos por trás de cada um deles

A equipe do Incrível.club lançou uma ótima matéria, que enumera alguns comportamentos estranhos que nossos gatos costumam ter e qual o significado por detrás de cada um deles, e aqui no amo meu peludinho não poderíamos deixar passar a oportunidade de compartilhar a excelente matéria com nossos leitores.

Todo mundo sabe que os gatos são exageradamente adoráveis. Se não, de que outra forma eles teriam dominado o mundo dos memes? Mas certamente acontece de o seu amigo peludo fazer alguma coisa e você ficar pensando “o que é isso?” Se você quiser saber as verdadeiras razões por trás do comportamento do seu gato, continue lendo esse post.

Hoje o amo meu peludinho compartilha a explicação para os comportamentos mais estranhos do seu gato.

1. Morder as unhas

Se o seu gato morde as unhas quando se limpa, você provavelmente não tem com o que se preocupar: é a versão felina da manicure. As unhas dos gatos são feitas de várias camadas e, com o tempo, a externa começa a se desgastar. Quando isso acontece, o gato remove essa parte “morta” mastigando-a até que a nova seja exposta. Embora seja um comportamento perfeitamente normal, pode ser um mau hábito que seu animal de estimação tenha desenvolvido. Da mesma forma que acontece com as pessoas, esse pode ser um sinal de ansiedade, estresse ou simples tédio. Mas se você notar na área um pouco de pele vermelha, descoberta ou sangrando nas patas ou unhas do seu gato, consulte o seu veterinário imediatamente.

2. Acariciar a água

A maioria dos gatos se certifica de tocar a água com as patas antes de bebê-la. E, enquanto alguns deles são fascinados pelo líquido e querem brincar com ele, outros o fazem para verificar sua frescura. Veja você, os gatos são muito exigentes com o seu menu, e a água fresca parece essencial. Na lógica felina, se a água na tigela se move, então com certeza está boa. É por isso que eles ficam hipnotizados com água da torneira da pia. Portanto, mantenha seu amigo felino feliz e saudável e troque a água pelo menos duas vezes ao dia.

3. Entrar em espaços pequenos

Você compra uma bela cama para o seu gato, mas ele ainda prefere as caixas de papelão para uma boa soneca. Então, o que está acontecendo aqui? Novamente, nada para se preocupar: é um simples instinto de sobrevivência natural dos gatos. Para eles, dormir em espaços amplos e abertos os torna alvos perfeitos para predadores. Eu sei o que você está pensando: “Eles estão em casa comigo, não na natureza!” Mas isso não importa para eles. A maioria dos gatos prefere dormir em espaços pequenos e acolhedores, onde é difícil alcançá-los. As caixas e pias fazem com que se sintam a salvo e seguros, por isso não se incomode se o seu gato decidir tirar uma soneca lá.

4. Apoiar as patas no seu rosto

Para alguns donos de gatos, acordar com o rosto cheio de patinhas peludas não é incomum. Faz parte da rotina matinal. Mas por que seu gato faz isso? Bem, esse gesto pode indicar toda uma gama de emoções. Se o seu amigo felino acaricia seu rosto suavemente, ele está simplesmente mostrando amor. Bater no seu rosto várias vezes com a pata significa “Ei, eu fiz algo, é melhor ir e limpar” ou “Levante-se e me alimente, por favor!”. Mas se o seu gato basicamente te bate, é um sinal óbvio de que está muito chateado com você. Então, é preciso algumas opções nesse caso: limpe sua caixa, alimente-o… ou pare de fazer o que mais incomoda a ele.

5. Rosnados

Mesmo o menor e mais doce gatinho pode rosnar de vez em quando, e é um sinal claro de que ele está assustado ou chateado. Esse rosnado não é algo que você deva ignorar, é um dos sinais mais sérios que um gato pode dar: gatos não gostam de confronto físico, então tentam espantar seus adversários de antemão com linguagem corporal ou rosnando. Se você não prestar atenção e continuar a incomodá-lo, o gato irá atacá-lo. Se isso acontecer com muita frequência, deixe ele se acalmar e tente descobrir o motivo principal da raiva. Assim que você eliminar o desconforto, seu gato estará perfeitamente de volta.

6. Ignorá-lo

Num momento, seu gato não se desgruda de você e quer todo o afeto do mundo, e de repente ele o ignora completamente. Por que essa frieza felina repentina ocorre? Bem, os gatos são criaturas bastante independentes e precisam de tempo para si mesmos às vezes. Se ele ignorar você, deixe-o em paz. Sem dúvida ele apreciará o respeito e o amará ainda mais.

7. Morder as plantas

Morder as plantas pode ter muitas razões. Primeiro de tudo, muitos gatos fazem isso quando não estão muito bem no estômago ou querem comer algo com uma textura diferente. Outros simplesmente ficam curiosos ou querem chamar sua atenção. Também pode ser um mecanismo que os alivia. Então, se o seu gato gosta de plantas, você pode obter um pasto especial para ele no pet shop e cultivá-lo. Além disso, certifique-se de que nenhuma de suas plantas seja tóxica para eles. Tenha cuidado com qualquer coisa das espécies de Lilium e Hemerocallis, que incluem o lírio de tigre ou o lírio-de-um-dia, para citar alguns.

8. Passar muito tempo na caixa de areia

Embora a maioria desses comportamentos não seja tão sério, ficar na caixa de areia pode ser um mau sinal. É completamente normal que, quando seu gatinho estiver aprendendo a usar aquela estranha caixa, passe algum tempo lá. No entanto, se ele começar a ficar algum tempo lá de um dia para o outro pode ser um sinal de doença. Preste atenção se isso não vem acompanhado por outros sintomas, como perda de apetite, o que justifica uma ida urgente ao veterinário. Pode ser apenas um sinal de estresse, mas vale a pena descartar qualquer coisa mais séria.

9. Pedir comida e depois ignorá-la

Muitas vezes esse comportamento de pedir torna-se tão rotineiro que eles começam a fazê-lo mesmo quando não estão com fome. Os gatos associam fortemente alimentos com carinho. Sua lógica é simples: se você os alimenta, é porque os ama. É por isso que, quando seu amigo peludo quer uma dose extra de atenção, ele pede um lanchinho. No entanto, se de repente o seu gato come muito menos do que o habitual, é hora de chamar o veterinário. A perda de apetite não é brincadeira quando se trata de gatos.

10. Segui-lo no banheiro

Seu gato pode estar sentado do outro lado da sala, sem prestar atenção em você o dia todo. Mas quando você decide ir ao banheiro, ele tem que estar lá. É como se eles estivessem gravando algo. Parece completamente estranho, mas a verdadeira razão por trás desse comportamento vai derreter seu coração: seu gatinho se sente muito mais protegido quando está ao seu lado. E sim, isso também tem a ver com os instintos felinos. Em resumo, quando você sai da sala, ele se sente vulnerável a predadores, então decide segui-lo. E, acredite ou não, muitas vezes o banheiro é o lugar onde eles se sentem mais seguros: a porta está fechada, para que ninguém possa entrar, e você está lá. O que poderia ser melhor?

11. Sentar sobre a sua roupa

Se seu gato sempre se senta em suas roupas quando você as deixa em algum lugar, pode se sentir lisonjeado: é assim que eles o marcam como um membro de seu bando. Segundo a médica veterinária Kathryn Primm, isso tem muito a ver com seus instintos. Os gatos estão acostumados a viver em grupos familiares onde tudo é compartilhado. Além disso, todos sabemos o quanto eles adoram marcar as coisas com o seu cheiro, certo? É exatamente o que eles fazem quando se sentam em roupas que têm o cheiro do dono.

Quais desses comportamentos estranhos o seu gato tem? Conte pra gente nos comentários!


Gostou da matéria? Compartilhe este artigo. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado 

tradução e adaptação por amo meu peludinho, da matéria originalmente criada por incrível.club

Comentários no Facebook